O Mundo Sobre Ford Fiesta


Dica para Pintura Automotiva

Compartilhe

Convidad
Convidado

Dica para Pintura Automotiva

Mensagem por Convidad em 22/5/2011, 13:21

Pinturas em Plásticos

* Lavar cuidadosamente com água e sabão neutro.
* Desengraxar utilizando Solução Desengraxante.
* Lixar com lixa #600.
* Desengraxar novamente, utilizando Solução Desengraxante.


OBS.: Devido a problema de aderência em pinturas em plásticos, é aconselhado que se utilize Primer para Plásticos antes de iniciar a pintura.
Pinturas em Chapas Metálicas

* Lavar com água e sabão, secar com ar e lixar.
* Limpar com Solução Desengraxante e secar com ar comprimido.
* Aplicar Fundo Fosfatizante
* Caso haja imperfeições, corrigir com Massa Poliéster.
* Limpar novamente com Solução Desengraxante. Aguardar a secagem e aplicar o Primer.
* Aplicar o Controle de Lixamento e lixá-lo até removê-lo por completo. Limpar novamente com Solução Desengraxante, secar com ar comprimido e iniciar aplicação da tinta de acabamento.


OBS.: O procedimento acima descrito refere-se para pintura em chapa metálica NUA. Para chapa metálica PINTADA, utilizar inicialmente o Removedor Pastoso e seguir o procedimento acima descrito.
Evite realizar pinturas em ambientes com poeira.
Solucionando Problemas
Diferença de Tonalidade
Identificação: A repintura apresenta uma tonalidade diferente de pintura original.

Causas: A pintura original de fábrica apresenta algumas variações e ainda sofre alteração na sua coloração, por ação da natureza e/ou por maus tratos. Isto significa que é natural ter que "acertar" a tonalidade da cor na hora da repintura. Mas é importante saber que o modo de como se aplica a tinta também influencia ( e muito) a tonalidade da cor.
Os problemas mais frequentes ocorrem pelos seguinte motivos:

* Uso de tintas com baixa viscosidade (tinta muito fina) ou com alta viscosidade (tinta muito grossa).
* Falta de ajuste da pressão do ar, vazão da tinta, velocidade de aplicação e distância entre a pistola de pulverização e a superfície a ser pintada.
* Número inadequado de demãos aplicadas: mais demãos (tonalidade mais escura), menos demãos (tonalidade mais clara).

Correção: Utilizar a tinta de maneira correta, seguindo rigorosamente as instruções contidas na embalagem. Caso a cor ainda precise de ajuste, o acerto da tonalidade pode ser feito com o acréscimo de pigmentos na tinta.

OBS.: Mexer bem a tinta antes de usá-la é o primeiro passo para evitar problemas de tonalidade. Em seguida, pinte um pedaço da chapa e compare com a cor do carro, antes de aplicar a tinta no veículo.

Rachadura (Trincamento)

Identificação: A pintura apresenta riscos ou cortes profundos.
Causas:

* Repintura feita sobre um base velha, já trincada.
* Aplicação da Laca Acrílica sobre superfície pintada em Esmalte Sintético.
* Aplicação da tinta sobre Primer inadequado.
* Excesso da camada de Primer ou Massa.


Correção: Decapar (raspar) as partes afetadas, preparar a superfície e repintar corretamente, conforme instruções descritas na embalagem do produto.
Marcas de Lixa

Identificação: Risco visíveis sobre uma superfície pintada.

Causas: Lixamento feito com lixa de grana muito grossa

Correção: Aguardar a secagem completa, lixar com lixa de grana mais fina e repintar corretamente conforme instruções descritas na embalagem do produto.
Escorrimento

Identificação: A tinta forma acúmulos em forma de um cordão (macarrão).

Causas:

* Aplicação com pistola de pulverização muito próxima da superfície a ser pintada e com movimentos muito lentos.
* Excesso de tintas com alta viscosidade (muito grossa).
* Uso de Thinner/Solventes inadequados.


Correção: Aguardar a secagem completa, lixar as partes afetadas, preparar a superfície e repintar corretamente, conforme instruções descritas na embalagem do produto.
Pintura Queimada (Calcinação)

Identificação: A pintura fica fosca, sem brilho e com aparência ressecada.

Causas: Basicamente há três fatores que causam a calcinação. Os dois primeiros são agressões externas, como:

* Exposição do veículo ao sol durante muito tempo.
* Lavagem do veículo com shampoo ou sabão muito forte
* Já o terceiro fator pode ser considerado como uma agressão interna, que é o uso de Thinner/Solventes inadequados.


Correção: Polir com Massa de Polir, até eliminar o defeito.
Fervura

Identificação: A pintura fica com aparência áspera, rústica e porosa.

Causas:

* Exposição do veículo pintado ao calor (estufa ou painel de secagem), antes de acontecer a evaporação dos solventes.
* Aplicação de tintas sobre a peça quente.


Correção: Decapar (raspar) as partes afetadas, preparar a superfície e repintar corretamente, conforme as instruções descritas na embalagem do produto.
Bolhas

Identificação: Algumas partes da pintura se enchem de ar formando bolhas.

Causas:

* Exposição do veículo pintado, ao calor (estufa ou painel de sevagem), antes de acontecer a evaporação dos solventes. Isto ocorre principalmente quando da aplicação excessiva Primer ou Massa (camada muito grossa).
* Existência de umidade na superfície a ser pintada.
* Presença de água na magueira ou no compressor.


Correção: Decapar (raspar) as partes afetadas, limpar a superfície e repintar corretamente, conforme as instruções descritas na embalagem do produto.
Manchamento na Cores Metálicas

Identificação: O manchamento da pintura é identificado visualmente, em função de concentração de alumínio em pequenas áreas.

Causas:

* Falta de ajuste da pressão do ar, vazão da tinta (aplicação muito carregada), velocidade e/ou distância inadequadas entre a pistola de pulverização e a superfície a ser pintada.
* Quantidade muito grande de retardador adicionado à tinta (no caso de Laca Acrílica).
* Presença de água na mangueira ou no compressor.


Correção: Decapar (raspar) as partes afetadas, limpar a superfície e repintar corretamente, conforme as instruções descritas na embalagem do produto.
Falta de Aderência

Identificação: A tintas se destaca da superfície pintada, em forma de placas.

Causas:

* Limpeza inadequada da superfície a ser pintada.
* Falta de lixamento da pintura original.
* Uso de Thinner/Solventes inadequados.


Correção: Remover as camadas soltas e repintar conforme instruções descritas na embalagem do produto.
Cratera (Olho de Peixe)

Identificação: A ausência de tintas em pontos onde existem impurezas provoca o surgimento de crateras com aparência de olho de peixe.

Causas:

* Limpeza inadequada da superfície a ser pintada (é necessário lavar o carro com detergente).
* Uso de ceras polidoras que contenham silicone ou substâncias graxas.
* Contaminação das roupas por silicone ou substância graxas.
* Óleo no compressor.
* Cristalização.


Correção: Decapar (raspar) as partes afetadas, preparar a superfície e repintar corretamente, conforme instruções descritas na embalagem do produto.
Casca de Laranja

Identificação: A pintura fica com aparência granulada, semelhante à casca de laranja.

Causas: Este problema é causado por descuido na hora da aplicação. Os fatores que influenciam são:

* Pintura realizada em ambientes muito quente.
* Alta viscosidade da tintas (muito grossa).
* Uso de Thinner/Solventes inadequados.
* Falta de ajuste de pressão do ar, vazão da tinta, velocodade de aplicação e distância entre a pistola de pulverização e a superfície a ser pintada.


Correção:

* Casos Simples: Após a secagem da tinta, polir com Massa de Polir.
* Casos Graves: Após a secagem da tinta, lixar a pintura até obter uma superfície lisa e repintar corretamente conforme instruções descritas na embalagem do produto.


Branqueamento

Identificação: A pintura fica com aparência leitosa e sem brilho, logo após a aplicação

Causas: Este é um problema que pode ocorrer com a Laca Nitrocelulose ou Laca Acrílica. Estas tintas utilizam Thinner/Solventes de evaporação muito rápida, que em ambientes muito úmido pode ocasionar o branqueamento. É por isso que este problema ocorre com mais frequência em dias frios e chuvosos.

Correção:

* Casos Simples: Após a secagem da tinta, polir com Massa de Polir.
* Casos Graves: Após a secagem da tinta, lixar a pintura e aplicar 2 demãos cruzadas do acabamento. Adicionando na tinta, já diluída, 5 a 10% de retardador correspondente ao sistema de pintura utilizado.

GIL.CAJR
Nascituro
Nascituro

Mensagens : 57
Data de inscrição : 29/03/2012
Idade : 35
Localização : RIBEIRAO PIRES -SP

Re: Dica para Pintura Automotiva

Mensagem por GIL.CAJR em 11/4/2012, 11:16

BEM esplicado o tuto!!!
nao sei se teria capacidade e coragem para fazer isso!!

claudineibj
Nascituro
Nascituro

Mensagens : 47
Data de inscrição : 08/01/2013
Idade : 33
Localização : Goias

Re: Dica para Pintura Automotiva

Mensagem por claudineibj em 28/1/2013, 16:00

Explicação melhor que isso impossivel rsrsrs

Conteúdo patrocinado

Re: Dica para Pintura Automotiva

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 18:08


    Data/hora atual: 8/12/2016, 18:08